História & Geografia

.posts recentes

. Festas e Romarias - Minho

.arquivos

. Outubro 2016

. Abril 2016

. Agosto 2015

. Abril 2013

. Fevereiro 2013

. Novembro 2012

. Dezembro 2011

. Março 2011

. Novembro 2010

. Maio 2010

. Abril 2009

. Novembro 2008

. Setembro 2008

. Março 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

Segunda-feira, 24 de Novembro de 2008

Festas e Romarias - Minho

 Concelho de Famalicão

      

Devo dizer que existiam em Famalicão várias actividades culturais, como festas populares, romarias, bailes, espectáculos teatrais e outros. A maioria da população só tinha as festas populares, as feiras e romarias para ocupar o seu tempo de lazer. Quem tivesse mais possibilidades financeiras, para além das festas tinha também espectáculos teatrais, as termas e as praias - Póvoa de Varzim e Vila do Conde.

Destas actividades culturais vou mencionar cada uma delas individualmente.

Começo pelas festas e romarias populares.

As grandes romarias do concelho de Famalicão no início do século XX ainda existem nos dias de hoje.

A primeira romaria do ano é a Senhora das Candeias, na freguesia de Landim, esta festa celebra-se a 2 de Fevereiro. Sobre esta grande romaria vou citar uma pequena notícia vinda no jornal «Estrella do Minho», e que diz:

"Vai-se realizar na bonita freguesia de Landim, ... a popular romaria da Senhora das Candeias, a que concorre sempre crescido numero de pessoas do nosso concelho (Famalicão) e do de Santo Thyrso" (1).

Outra grande romaria é a do Senhor do Santo Monte na freguesia do Louro, que fica relativamente perto de Famalicão. Esta romaria realiza-se no Domingo de Pascoela, e "é realizada no pitoresco lugar do Monte do Louro, à qual concorre sempre grande número de pessoas..."(2), pessoas essas que iam de Famalicão e de várias freguesias vizinhas do Louro.

A 16 de Julho realiza-se a grande romaria da Senhora do Carmo na freguesia de Lemenhe, esta é actualmente uma das grandes romarias do concelho, como há cem anos atrás o jornal traz uma nota sobre esta romaria, assim de como todas as festas do concelho.

A 25 de Julho, o Senhor dos Aflitos, em S. Tiago da Cruz é também considerada uma das cinco grandes romarias do concelho de Famalicão.

Passo a citar notícias do início do século XX que falam da romaria do Senhor dos Aflitos:

"Teve lugar na Quinta e Sexta-feira passada a popular romaria do senhor dos Aflitos, no pitoresco monte de S. Tiago da Cruz e uma das mais importantes do nosso concelho. Como de costume afluiu ali muita gente do nosso concelho e dos vizinhos..."(3).

Acerca desta romaria devo ainda referir alguns pormenores. "São bem typicos do nosso Minho encantador, aqueles descantes à desgarrada... Guapas raparigas saracoteiam donairosas as danças características...Este ano (na romaria do Senhor dos Aflitos) temos... para mais chamariz, o fogo pirotécnico de Viana de efeitos deslumbrantes"(4). É sem dúvida pela descrição feita, uma bela romaria.

Para terminar as grandes romarias do concelho devo referir a romaria nova em Lousado (5), romaria esta existente ainda hoje.

Para além destas romarias havia ainda muitas festas populares, em todo o concelho, como exemplo; Festa a S. Marçal em Esmeriz, Festa a Santa Catarina no Monte do Facho - Calendário, festas estas ainda existentes hoje.

As romarias eram por excelência o grande divertimento para a população em geral, a qual se divertia e repousava de um ano cheio de trabalho, trabalho agrícola essencialmente.

O jornal semanário «Estrella do Minho» refere-nos isto mesmo dizendo que, "com o mês de Junho chegamos à efervescência das festas por toda a parte, domingos a seguir, casando-se a alegria do povo, o estalejar dos foguetes, o ri bombo dos morteiros, repiques alegres dos sinos, com o chilreio dos passarinhos e da vegetação, inebriando-nos no seu tapete de verdura pelos horizontes sem fim" (6).

"Tudo está em festa, convidando ao abandono das cidades e ir para o campo e praias beber o ar puríssimo, contemplar o eternamente inédito por mais que se contemple, o campo e o mar" (7).

Devo salientar que o festejo popular ao qual afluíam mais pessoas, pois era uma das maiores festas da região minhota, era o das festas Antoninas de Famalicão, eram e são hoje uma das maiores festas do Minho.

Segundo notícias de 1906, soube que pela altura das festas de Santo António eram distribuídos por todo o país, os programas das festas. "Todas as vias-férreas da província oferecem comboios extraordinários a preços muito reduzidos" (8).    Santiago de Antas - Famalicão

 

www.ecfamalic.blogspot.com  

(1) in Estrella do Minho - 1/Fev/1903, "Senhora das Candeias"p1

(2) Idem...  12/Abr/1903, "Santo Monte"

(3) Idem ... 27/Jul./1902, " Senhor dos Aflictos"

(4) in Estrella do Minho -  Famalicão, 19/Jul/1903, "Senhor dos Aflictos", p. 3.

(5) Freguesia do Concelho de Famalicão.

(6) in Estrella do Minho - Famalicão - 16/Jun/1901, "Festas" p.2.

(7) Idem , ... 16/Jun/1901.

(8) Idem , ... 06/Mai/1906, "Festas Antoninas" p1.

CARNEIRO, Eduardo Manuel Santos (1997) -"Actividades Sócio-Culturais, Comerciais e Personalidades de V. N. Famalicão no início do século XX", Boletim Cultural nº 14(C.M. Famalicão), V. N. Famalicão.

by http://historigeo.blog.com

tags:
publicado por EduardoSantosCarneiro às 14:40
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.tags

. todas as tags

.favorito

. Alimentação em Portugal, ...

. Vila Nova de Famalicão - ...

. Famalicenses - Termas/His...

. Esmeriz - Vila Nova de Fa...

. Alberto Sampaio - Histori...

. Visconde de Pindella - S....

. Concelho de Vila Nova de ...

. Eduardo Santos Carneiro -...

. Arqueologia Industrial - ...

. Arqueologia Industrial - ...

blogs SAPO

.subscrever feeds